PREOCUPAÇÃO

A nossa principal preocupação não é com os “comos” e os “porquês”, mas sim em saber se a coisa funciona ou não.

Nós experimentamos a coisa e, caso ela funcione, nós simplesmente nos apropriamos dela e a colocamos para funcionar a nosso favor.

Jamais perdemos tempo ou nos desgastamos tentando descobrir como e porque a coisa funciona. É assim que nós trabalhamos...

Acreditamos que o lugar mais sombrio é sempre debaixo da luz.