O espremido fim de Battisti.


A Bolívia enviou Cezare Battisti diretamente para Itália, onde o terrorista italiano que passou anos refugiado no Brasil deverá permanecer na prisão até seus último dias. Antes porém de ser trancafiado na cela, Battisti deverá passar seis meses na solitária - para se ter uma ideia, na imagem acima você vê um modelito de solitária utilizado na Coreia do Norte.